sábado, 5 de janeiro de 2008

"This Years Love"



Eu deveria escrever algo pra fechar o ano.
Com boas expectativas sobre esse novo tempo por vir.
Mas eu não sinto que nada disso seja meu.
É como se eu apenas incorporasse pedaços de outras pessoas na minha pessoa.
As reflexões sobre esse ano que acabou de passar foram tantas
que eu já nem sei se tenho algo a dizer.
Apenas que os momentos foram muitos...
e intensos.
Não é sobre toda aquela caretice de fim de ano.
São simplesmente momentos...
lembranças...
E no fim das contas
Vão haver muitas que eu vou gostar de lembrar...
E muitas que eu nunca vou entender.
Mais um ano começando...
e é sempre o mesmo ano!
Como qualquer outro na minha vida.
Um ano sobre decisões...
Sobre coisas a superar...
Sobre segredos que gritam dentro de mim sem que eu os deixe escapar.
Mais um ano como todos os outros...
E eu sei disso!
Não é que eu não tenha expectativas...
As perspectivas só não são muitas.
Mais um ano...
E mais uma vez reconstruindo pilastras...
Eu sei!
Não faz muito sentido agora...
Mas nem tudo precisa fazer sentido!


Welcome 2008!

6 comentários:

Ziza disse...

Olá, linda!!
Q bom poder ler um pouco de vc. Fazia tempo q vc n escrevia ou n me mostrava.
Vc tem os questionamentos q mta gente tem e por isso é importante escrevê-los. Acredito q qdo a gente pensa q alguém escreve o q se passa com mtas pessoas, tem-se uma responsabilidade enorme com várias almas.
Abrece essa responsabilidade pq vc é voz de mta gente.
Continue emocionando.
Bjs

Jader Rubini disse...

Tenho a sensação de que 2008 será um ano diferente...
Igual a todos os outros anos.

Laís Mendes disse...

Então neh...
Acho que ñ tenho o que dizer. rs

É Jader... é sempre igual por ser diferente... Mas tbm tem algo, lá no fundo, que faz de todos os anos iguais... A gente sempre espera por algo que quase nunca vem.

Comentar o q da Ziza neh? rs
Essa responsabilidade ñ é só minha... rs
Obrigada pelo apoio smepre!

Mariana Duarte disse...

Ano novo...que seja no mínimo tranquilo e bom para todos nós! Precisamos!

Concordo que 2007 foi cheio de momentos, momentos infinitos, momentos bons, ruins, momentos que fizeram parte da vida da gente. Lembrar sempre, mesmo que sejam dos mais difíceis...

Um ótimo 2008 pra vc, sorte ae com os planos para o futuro, quem sabe a gente não se encontra lá na Capital!?

Bjão

Bibs ° disse...

Pois é. Ele é novo mas, continua igual. Afinal, não é de uma madrugada para outra que o pobre vira rico. O que muda de verdade, talvez, seja a esperança e expectativas de todo um povo que adora sorrir.

Dizem que sorrir é um dos melhores remedios... Então, mesmo que algumas vezes seja fingido, eu sorrio. Assim, posso salvar alguem. E espero que alguem sorria para me salvar.

bjs!

Rodolfo disse...

Ano novo, mas as menitiras são as mesmas, isso torna todos os anos iguais...

Lah vamos ter mais coisas estranhas, mais momentos intensos(sejam eles bons ou ruins) e passaremos por tudo juntos, pois não me vejo sem a sua amizade daki pra frente e mesmo estando separados por muitos KMs estaremos sempre perto um do outro.